top of page

Incorporação Imobiliária Sustentável: O Futuro é Agora!


Desevolvimento imobiliario sustentavel

O desenvolvimento imobiliário sustentável criou sua própria fatia de mercado nos últimos anos, e aqueles que adotaram a tendência já estão colhendo os frutos.


Resta pouco tempo para as incorporadoras se prepararem de fato para um mercado que buscará cada vez mais por produtos que valorizem a qualidade de vida, bem-estar e sustentabilidade.


Agora é hora de Arquitetos, Investidores e Incorporadoras se readequarem em suas estratégias de projetos sustentáveis e buscar um posicionamento que será fundamental para a longevidade de qualquer negócio no setor de desenvolvimento imobiliário. Estratégias de ESG vem sendo consideradas como o próximo marco na evolução dos investidores. É algo que todos neste mercado precisam considerar se quiserem permanecer na vanguarda da indústria.


O que é desenvolvimento imobiliário sustentável?

Desevolvimento imobiliario sustentavel
Ícaro Jardins do Graciosa é o 1º empreendimento do tipo do país a receber certificação nível Ouro do GBC Brasil

O desenvolvimento imobiliário sustentável incorpora técnicas, materiais e tecnologias de projeto e construção com menor impacto ambiental em todo o ciclo de vida da edificação pensado da implantação a operação. Em vez de utilizar materiais e estratégias que aumentem a pegada de carbono e recursos naturais (como o uso de água por exemplo) em um projeto as novas estratégias buscam mitigar utilização destes recursos, atender expectativas estéticas, financeiras e operacionais. Tudo simultaneamente!


Nesse sentido, fica uma pergunta: como incorporações sustentáveis e com foco no bem-estar pode diferenciar um produto da concorrência?


Desenvolvimento imobiliário sustentável crescendo em popularidade


O desenvolvimento imobiliário sustentável não é apenas uma estratégia de venda implementada por incorporadoras com visão de futuro; é um movimento inteiro de toda a sociedade e está crescendo em popularidade. No mínimo, os novos produtos imobiliários "verdes" não representam apenas mais uma indústria de nicho. A maioria dos consumidores atuais não só querem características sustentáveis em suas residências, mas eles exigem isso cada vez mais.


Agora que a tecnologia e as técnicas estão alcançando essa tendência, não há absolutamente nenhuma razão para não incluir o maior número possível de características sustentáveis em uma nova edificação.


As estratégias sustentáveis não impactarão apenas na economia de recursos e dinheiro, mas também aumentarão significativamente seu valor de mercado e qualidade de vida dos ocupantes.

Os benefícios da incorporação imobiliária sustentável


Com um foco inerente às práticas sustentáveis, os incorporadores residenciais (e até outros nichos de Real Estate) recebem uma ampla gama de benefícios, muitos dos quais oferecem melhores resultados de investimento. Vamos dar uma olhada em algumas das razões pelas quais você vai implementar práticas sustentáveis em uma incorporação imobiliária é um excelente negócio, mais cedo ou mais tarde:

Um futuro seguro para o negócio

Não há dúvida sobre isso; a sustentabilidade é o futuro de quase todas as indústrias, e o desenvolvimento imobiliário residencial não é uma exceção. O consumo de recursos naturais está em alta, e as autoridades em todo o mundo estão fazendo o seu melhorar a utilização destes recursos.


A conscientização ambiental provocou uma resposta universal, e iniciações estão sendo colocadas em prática — como falamos — para limitar o consumo de recursos naturais. O governo dos EUA, além dos municípios locais em quase todos os níveis, assumiu a ação de ser proativo e abordar a situação do ponto de vista da habitação. Isso significa que espera-se que as casas atendam aos padrões da indústria que são sustentáveis e conscientes em relação ao consumo energia.


No Brasil, existem leis e já em vigor e projetos em tramitação para a obrigatoriedade ou benefícios na implantação de telhados-verdes.


Há também o Projeto de Lei 2451/20 torna obrigatório o reúso da água, proveniente da chuva, de estações de tratamento de esgoto ou do tratamento de líquidos do processo industrial, em novas edificações públicas, residenciais, comerciais e industriais. A proposta, que está sendo analisado pela Câmara dos Deputados, torna o reuso da água obrigatório – exceto para o consumo humano – em cidades para as quais a lei exija plano diretor, sendo optativo nas demais.

Fonte: Agência Câmara de Notícias.



Confira a técnica de tratamento e purificação de águas de esgoto através dos sistemas de Wetlands (Jardins Filtrantes). Técnica implantada pelo GRUPO VG economiza 1.500 Litros de agua por mês em estação da CPTM. Veja no link.




Aqueles investidores que começam a implementar a ideia de desenvolvimento imobiliário sustentável em suas estratégias de lançamento atuais devem não apenas permanecer na vanguarda de sua indústria, mas também no topo das listas de desejos dos compradores — por enquanto, e bem no futuro.


Aumento do valor de mercado do empreendimento


Pouco depois que a recuperação começou a ganhar tração e os imóveis dos EUA começaram a sair do marasmo da recessão, edifícios certificados sob o sistema de classificação LEED iniciaram uma tendência que suportaria o teste do tempo: práticas de construção sustentáveis e aquelas casas que as implementam exigem um selo. Simplesmente, as casas verdes tendem a vender por mais do que a de suas contrapartes não sustentáveis.


De fato, estudos têm mostrado que casas sustentáveis tem uma venda até 9% maior do que aquelas que são menos eficientes em termos de energia, economia de água, e tratamento de resíduos.

Além disso, o Departamento de Energia dos EUA reconheceu que "pesquisadores da Universidade da Califórnia, Berkeley e da Universidade da Califórnia, Los Angeles, estudaram 1,6 milhão de casas na Califórnia para ver se aquelas classificadas com rótulos ENERGY STAR, LEED ou GreenPoint Rated foram vendidas por um preço mais alto do que aquelas sem rótulos eficientes em termos de energia".


Embora o estudo conduzido pelo Departamento de Energia dos EUA não tenha se estendido além das fronteiras da Califórnia, seus resultados imitaram os de outros locais. Fundamentos semelhantes foram testemunhados em cidades como Seattle, Washington, onde a GreenWorks Realty identificou uma tendência encorajadora: imóveis eficientes são comercializados por maior valor do que suas contrapartes menos eficientes.


Dando um passo adiante, o Earth Advantage Institute em Portland, Oregon, revelou que casas com estratégias sustentáveis foram vendidas por até 30% a mais do que aquelas com sistemas tradicionais .


Alta demanda de mercado por incorporações sustentáveis


Os custos de energia, água e outros recursos tem aumentado significativamente. Não deve surpreender ninguém saber que o aumento destes recursos não afeta apenas o CAPEX de um empreendimento, mas especialmente o OPEX ao longo dos anos. Há uma tendência óbvia, por parte de gerenciadores e proprietários de não ficar tão exposto a variações de aumento de preços e disponibilidade desses recursos.


Qualquer incorporador do mercado residencial, deve se interessar em atender a essas necessidades em seus produtos.


Como se preparar para o futuro do desenvolvimento imobiliário sustentável

Desevolvimento imobiliario sustentavel
Cidade Matarazzo em São Paulo, representa um novo mercado que busca experiência, qualidade e sustentabilidade. Paisagismo de Licenciamento Ambiental implantado pela Vertical Garden.

O Desenvolvimento imobiliário sustentável é o futuro. Cada vez mais investidores procurarão o setor imobiliário verde para alocar seus recursos e contribuir para espaços de vida mais eficientes.


Vale ressaltar, no entanto, que a ideia de que o desenvolvimento imobiliário sustentável está a anos de distância está incorreta; atualmente está sendo implementado nas novas práticas de construção de hoje. Dito isto, qualquer um que não esteja implementando suas próprias estratégias verdes está efetivamente sendo deixado para trás.


Quem já está lançando produtos com premissas sustentáveis está à frente no jogo. No entanto, não é tarde demais para aqueles que ainda não iniciaram seus próprios projetos de desenvolvimento imobiliário sustentável. Na verdade, há várias coisas a fazer, como por exemplo:


Comercial da Sustentabilidade e a Eco-Simpatia do Seu Projeto


Qualquer tentativa de construir uma propriedade sustentável deve ser atendida com um plano de branding e comunicação adequado. Não basta comercializar um desenvolvimento imobiliário sustentável, é preciso gerar um desejo de consumo no público-alvo do empreendimento. Na verdade, os esforços de marketing subsequentes precisam transmitir os recursos da casa e como eles beneficiarão o comprador. Grandes esforços de marketing serão capazes de educar o consumidor muito mais rápido e de modo assertivo, mas deve-se evitar o Greenwashing. Consequentemente, é aqui que o conceito de ESG é adequado.


Use novas tecnologias


A tecnologia deve melhorar nossas vidas diariamente, e o desenvolvimento imobiliário sustentável não é exceção. Novas tecnologias estão melhorando o desenvolvimento imobiliário verde a cada ano. Portanto, os investidores, incorporadores, conceituadores e construtoras precisam implementar as mais novas tecnologias se quiserem ter competitividade neste mercado.


Novidade: Floreiras de Fachada da Vertical traz tecnologia exclusiva para incorporação da Natureza em Fachadas de modo simplificado, baixo consumo de água e menos manutenção.


O desenvolvimento imobiliário sustentável não é uma moda. O desenvolvimento imobiliário sustentável é o futuro da indústria e algo que todo arquiteto e conceituador precisa considerar de alguma forma.

Floreira de Fachada Vertical Garden
Floreiras de Fachada da Vertical Garden estão disponíveis em sistema BIM para especificação, compatibilização e estimativas de custos precisas.

Aqueles que o fizerem perceberão todo o seu potencial para fazer mais negócios e aumentar seus resultados. Sustento que o desenvolvimento imobiliário sustentável é o próximo passo na evolução dos investidores, e aqueles que adotarem as últimas tendências certamente colherão os frutos.


Quer saber mais sobre as soluções de Paisagismo e Sustentabilidade do GRUPO VG?



1 Σχόλιο


Πελάτης
21 Μαΐ 2022

Que artigo! É tão bom ver empresas como a Vertical Garden que sempre inova e apresenta soluções práticas e sustentáveis para nosso mercado da Arquitetura !! Sucesso!

Μου αρέσει
bottom of page